ENTRAR
NO AR:
PRÓXIMA ATRAÇÃO:

Parado
Volume

NOTÍCIAS - Mundo

Sexta-feira, 25/05/2018 11:41
Por Ana Paula Novaes

Produtor de cinema acusado de estupro e assédio sexual é preso em Nova Iorque

Harvey Weinstein se entregou às autoridades na manhã desta sexta-feira (25).




O produtor é acusado de assédio e/ou estupro por pelo menos 75 mulheres 
Foto: Reprodução/CNN





O produtor de cinema norte-americano, Harvey Weinstein, se entregou na manhã desta sexta-feira (25), para a polícia em Nova York. Ele é acusado de estupro e assédio por, pelo menos, 75 mulheres.

A polícia de Nova York pede a prisão de Weinstein há meses, alegando que já possui provas suficientes para acusá-lo formalmente pelo assédio sexual das atrizes Paz de la Huerta, Lucia Evans e mais uma terceira mulher, que não teve a identidade revelada. O produtor é investigado pelas autoridades norte-americanas deste, pelo menos, o mês de janeiro.

Weinstei será acusado pela Promotoria de Manhattan pelos crimes de estupro, ato sexual criminoso, abuso sexual e má-conduta sexual. O departamento de polícia de Nova Iorque, responsável pela prisão, divulgou uma nota na manhã de hoje, agradecendo “às bravas sobreviventes, que tiveram a coragem de se apresentar e procurar a Justiça”.

Na semana passada, a atriz italiana Asia Argento, que também acusa o produtor de estupro, discursou durante a cerimônia de premiação do Festival de Cannes, na Riviera Francesa, e disse que Weinstein nunca mais será bem-vindo na comunidade do cinema. “Em 1997, fui estuprada por Harvey Weinstein aqui em Cannes. Eu tinha 21 anos. Este festival foi o seu terreno de caça. Eu quero fazer uma previsão: Harvey Weinstein nunca será bem recebido aqui novamente”, disse a atriz. Ela ainda completou: “ele viverá em desgraça, afastado da comunidade do cinema, que um dia o abraçou e encobriu seus crimes. E mesmo hoje a noite, sentados entre vocês, há aqueles que ainda precisam ser responsabilizados por sua conduta contra as mulheres por um comportamento que não faz parte deste setor ou local de trabalho. Você sabe quem você é. Mas o mais importante, sabemos quem você é. E nós não vamos permitir que você fuja por mais tempo".

As primeiras acusações contra Weinstein, de 65 anos, surgiram em uma reportagem de 5 de outubro, publicada pelo "The New York Times", sobre casos de abuso contra atrizes e outras mulheres. Entre as atrizes que relataram terem sido assediadas pelo produtor estão Mira Sorvino, Rosana Arquette, Gwyneth Paltrow, Angelina Jolie e Léa Seydoux.

Além da polícia de Nova Iorque, ele também é investigado em Los Angeles e Londres.





Tags: 


Veja mais

® 2018 Rádio Novo Mundo Ltda - Todos os direitos reservados