ENTRAR
OUÇA A RÁDIO CAPITAL AO VIVO | AM 1040
NO AR:
PRÓXIMA ATRAÇÃO:

Parado

NOTÍCIAS - Brasil

Quinta-feira, 18/05/2017 15:41

Presidente da Alesp, deputado Cauê Macris, critica Aécio Neves e pede que ele se afaste do PSDB

Ele divulgou um vídeo nas redes sociais. Confira.



O presidente da Assembleia Legislativa de São Paulo, o deputado Cauê Macris (PSDB) divulgou um vídeo em suas redes sociais, afirmando estar indignado com as denúncias feitas contra o senador Aécio Neves, presidente nacional do partido. 

No vídeo, Macris afirma que não há mais condições para que o senador permaneça no comando do PSDB. "Defendo imediatamente que o senador Aécio Neves renuncie ao cargo de presidente do partido e que se defenda fora da nossa legenda", disse.

Macris também criticou o presidente Michel Temer. "No exercício do seu cargo, ele foi flagrado, gravado, inclusive, defendendo e dando ordem para um empresário calar, em dinheiro, o silêncio daquelas pessoas. A nossa República não aguenta mais. Falo como cidadão: não dá mais para acordar e ver nos jornais esse tipo de notícia", frisou. 

Reportagem do jornal O Globo revelar que durante a delação o empresário da JBS, Joesley Batista, revelou ter gravado o senador pedindo R$2 milhões. O dinheiro teria sido entregue a um primo de Aécio. A irmã de Aécio, Andrea Neves, e o primo do senador, Frederico Pacheco de Medeiros, foram detidos na manhã de hoje.  O ministro Edson Fachin, relator da Lava Jato no Supremo Tribunal Federal (STF), solicitou o afastamento do senador. 

O cargo de presidente nacional do PSDB deve ser assumido por Carlos Sampaio. 

® 2018 Rádio Novo Mundo Ltda - Todos os direitos reservados